O jogador belga, que atua no clube chinês Tianjin Quanjian, investiu numa empresa de aviação e estuda para ser piloto. O internacional belga Axel Witsel 16 de Janeiro de 2017 12:14