Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Camionista português envolvido em acidente pode ser acusado de homicídio

10 de Agosto de 2018 13:40
7 0

Um camionista português envolvido num acidente que provocou dois mortos em Espanha, na quarta-feira, está a ser investigado e pode vir a ser acusado de duplo homicídio negligente, noticia o jornal "Diario de Burgos".

O gabinete do secretário de Estado das Comunidades confirmou à Lusa que o camionista foi hospitalizado e disse que o assunto está a ser acompanhado pelo Consulado Honorário de Portugal em Bilbao, que não deu, até ao momento, mais detalhes.

O "Diario de Burgos" conta ainda que a Guardia Civil está apenas à espera que seja dada alta ao português para declarar a investigação oficial.

O português pode ser acusado de homicídio por negligência e condução perigosa, caso se confirmem os resultados da análise na amostra de sangue enviada para o Instituto Nacional de Toxicologia, o que pode agravar a pena se o caso for a tribunal.

Um condutor alcoolizado de um camião com matrícula portuguesa invadiu a faixa oposta de uma estrada em Burgos, Espanha, na quinta-feira, e provocou uma colisão com dois carros e uma mota, na quarta-feira. Do acidente resultaram dois mortos e quatro feridos.

As vítimas mortais são um homem de 26 anos e uma mulher de 22, provenientes de Pontevedra, Galiza, que se encontravam num dos veículos ligeiros. Os três feridos leves, ocupantes do outro carro e da mota, são todos do sexo masculino e têm entre os 18 e os 58 anos. Foram assistidos no local pelas ambulâncias de Suporte Básico de Vida e uma das pessoas terá precisado de ser desencarcerada.

O condutor do camião é português e foi transportado, em estado grave, para o Hospital Universitário de Burgos. Segundo explicou a Guardia Civil à agência de notícias Europapress, apresentou uma taxa de álcool no sangue acima do permitido por lei.

Fonte: jn.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0