Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Conta corrente da balança de pagamentos da zona euro com excedente de 106 mil ME no 4.º trimestre

10 de Abril de 2018 9:43
18 0

O excedente da conta de operações correntes da zona euro estabeleceu-se nos 106,3 mil milhões de euros no quarto trimestre de 2017, um aumento na comparação homóloga, mas recuando face ao período anterior, divulga o Eurostat.

O excedente da conta de operações correntes da balança de pagamentos da zona euro aumentou, entre outubro e dezembro últimos, para os 106,3 mil milhões de euros, face ao de 122,9 mil milhões de euros do trimestre anterior e ao de 94,6 mil milhões de euros homólogos, divulga o Eurostat.

Segundo o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), que divulga os dados em conjunto com o Banco Central Europeu, o saldo da conta de operações correntes da balança de pagamentos representa 3,8% do Produto Interno Bruto (PIB) dos 19 países do euro.

O excedente do saldo da conta de bens da zona euro foi de 95,0 mil milhões de euros, abaixo dos 98,6 mil milhões no trimestre anterior, mas um avanço quando comparado com os 90,4 mil milhões de euros homólogos.

Já o saldo da conta de serviços aumentou na variação em cadeia, para os 28,7 mil ME (30,6 mil milhões de euros no trimestre anterior), mas recuou face ao período homólogo (5,9 mil milhões de euros).

A conta de rendimentos primários viu, no quarto trimestre de 2017, o seu excedente cair para os 17, 6 mil milhões de euros, quer na variação em cadeia (35,0 mil milhões de euros), quer na homóloga (35,9 mil milhões).

Por seu lado, o défice da conta de rendimentos secundários, por seu lado, recuou para os 34,9 mil milhões de euros, quer em cadeia (-39,1 mil milhões), quer na variação homóloga (-37,6 mil milhões).

Na UE, a conta de operações corrente da balança de pagamentos registou um excedente de 63,5 mil milhões de euros (1,6% do PIB), em baixa face ao excedente de 67,4 mil milhões de euros do terceiro trimestre de 2017 e ao de 64,4 mil milhões de euros do período entre outubro e dezembro de 2016.

Fonte: ojogo.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0