Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Kim Jong-un menciona pela primeira vez a existência de um diálogo com os EUA

10 de Abril de 2018 14:51
49 0
Kim Jong-un menciona pela primeira vez a existência de um diálogo com os EUA

O dirigente da Coreia do Norte, Kim Jong-un, mencionou pela primeira vez um "diálogo" com os Estados Unidos, quando se define uma cimeira entre ele e o seu homólogo norte-americano, noticiou hoje a agência noticiosa oficial norte-coreana, KCNA.

Kim Jong-un apresentou um relatório, perante os principais dirigentes do partido único, "sobre a situação na península coreana", incluindo "a perspetiva do diálogo entre os EUA e a RPDC (República Popular Democrática da Coreia), segundo a KCNA.

Esta foi a primeira vez que a agência norte-coreana fez alusão a uma cimeira com os EUA, o que acontece pouco depois de o Presidente norte-americano, Donald Trump, ter anunciado, na segunda-feira, que a sua reunião histórica com o líder coreano se realizaria "em maio ou início de junho".

"Espero que possamos fazer um acordo sobre a desnuclearização", disse o chefe de Estado norte-americano, em declarações à comunicação social na Casa Branca, por ocasião de uma reunião com os membros da administração norte-americana.

"Vamos encontrar-nos [com a Coreia do Norte] em maio ou no início de junho", declarou.

Após vários meses marcados pela escalada de uma retórica bélica entre Washington e Pyongyang, por causa do programa nuclear norte-coreano, os dois países manifestaram uma abertura para eventuais negociações e para a realização de uma cimeira inédita.

No domingo, o jornal The Wall Street Journal noticiou que a Coreia do Norte terá confirmado diretamente junto dos Estados Unidos que estava pronta a negociar a desnuclearização.

Leia também: Rússia pronta para discutir visita de Putin aos EUA

Fonte: rtp.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0