Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

"La Manada" sai em liberdade condicional

21 de Junho de 2018 19:36
3 0

O tribunal de Navarra, em Espanha, decretou, esta quinta-feira, que os cinco membros do grupo conhecido por "La Manada", condenados a prisão por abuso sexual de uma jovem, podem sair em liberdade condicional. Para isso, têm de pagar uma caução no valor de seis mil euros. Os magistrados entendem que não há risco de fuga nem de reincidência. A decisão está a gerar celeuma e já estão marcados protestos para hoje.

O auto dá conta de um voto contra do presidente do tribunal, que defendeu que os jovens deveriam continuar em prisão preventiva, situação em que estavam há dois anos.

Além da fiança, são obrigados a comparecer às segundas, quartas e sextas-feiras perante as autoridades da área de residência; estão proibidos de entrar na Comunidade de Madrid, onde vive a vítima, bem como de comunicar com ela; ficam sem passaporte e estão proibidos de sair de Espanha sem autorização.

Os cinco homens foram acusados de violação de uma jovem de 18 anos durante as festas de São Firmino em Pamplona, em 2016, mas acabaram condenados, em abril deste ano, por um crime mais brando: abuso sexual. Valeu-lhes nove anos de prisão e 50 mil euros de indemnização. A defesa recorreu e pediu a libertação dos indivíduos até à sentença final.

O veredicto de abuso sexual causou indignação em Espanha e desencadeou protestos pelo facto de os sevilhanos não terem sido considerados culpados de violação.

Os indivíduos, com idades entre 24 e 27 anos, foram detidos a 7 de julho de 2016 e presos horas após o crime ter sido cometido. Três dos membros de "La Manada" já tinham cadastro criminal.

Fonte: jn.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0