Medina marca o ritmo no Quiksilver Pro Gold Coast

28 de Fevereiro de 2015 12:46

5 0

A estreia dos rookies na World Surf League não desiludiu, muito pelo contrário, todos se portaram muito bem nas boas ondas de Snapper Rocks. No entanto, apenas o australiano Matt Banting causou estragos na primeira ronda do Quiksilver Pro Gold Coast ao arredar Mick Fanning para a segunda ronda. Matt esteve bem e conseguiu o incrível score de 17.76 pontos, mas não se deixem enganar, pois Fanno não passou por pouco e registou mesmo a nota mais alta desta primeira fase de competição - 9.73 pontos.

Para a ronda de repescagem também foram Dane Reynolds, Kelly Slater, Michel Bourez, Wiggolly Dantas, Jeremy Flores, Adriano de Souza (na foto), Kolohe Andino e Taj Burrow, entre outros, que, mesmo com bons desempenhos não conseguiram a qualificação direta.

Por outro lado, Gabriel Medina mostrou que está forte e motivado e, apesar da boa oposição dada pelo conterrâneo Wiggolly Dantas, mostrou bem quem é o atual campeão do mundo de surf. No heat 6 ele não só conseguiu o melhor score da ronda (18.30 pontos), como ainda alcançou a segunda melhor nota do evento - 9.50 pontos.

Para a segunda ronda adivinham-se alguns duelos clássicos, como Mick Fanning e Dane Reynolds, Kelly Slater e Jack Freestone, Kolohe Andino e Jeremy Flores ou até mesmo Owen Wright e Keanu Asing.

No lado feminino também foi realizada a primeira leva de heats do Roxy Pro Gold Coast com algumas surpresas a terem lugar. Por exemplo, Silvana Lima e o seu incrível score de 18.16 pontos (com a melhor onda pelo meio - 9.33 pontos) forçaram a campeã mundial em título, Stephanie Gilmore, a cair para as repescagens, tal como Tyler Wright, Laura Enever, Coco Ho e Sage Erickson.

Fonte: beachcam.sapo.pt

Para página da categoria

Loading...