Portugal vai reembolsar seis mil milhões de euros ao FMI em março

28 de Fevereiro de 2015 9:57

3 0

«Tivemos a autorização política, foi já aprovado nos [respetivos] parlamentos, onde tem de ser, e estaremos em condições de, no mês de março, fazer uma amortização de seis mil milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional», afirmou em Viseu, durante uma sessão política organizada pelo PSD e pelo CDS-PP, sob o lema "Jornadas do Investimento".

A governante lembrou que Portugal pediu «a dispensa de reembolso simultâneo de até 14 mil milhões de euros». «Começamos com esta tranche de seis mil milhões e, em função das circunstâncias, tencionamos acelerar tanto quanto possível o remanescente», acrescentou.

Segundo Maria Luís Albuquerque, assim que tiver reembolsado os 14 mil milhões de euros, Portugal irá ter com os parceiros europeus e dirá: «agora estamos em condições de reembolsar o resto, para poder obter plenamente a poupança de juro». «Fizemos o esforço para chegar até aqui e agora estamos na situação de começar a recolher os frutos de todo o trabalho feito», realçou.

Na sua opinião, os portugueses são «pouco autoconfiantes» e têm de «perder a vergonha» de se gabarem daquilo que fazem bem.

«Não é vergonha nenhuma ser bom aluno e ter bons resultados. Quando temos 15 anos achamos muita graça sentar na fila de trás e sermos rebeldes, mas quando somos crescidos sabemos bem a diferença que faz para os objetivos na vida e para aquilo que podemos conseguir entre ser o mau aluno ou ser o bom aluno», considerou.

Leia também: Lionel Messi bisa e faz golo seis mil do Barcelona

Fonte: tsf.pt

Para página da categoria

Loading...