Produtor de 'Clube da luta' e 'Linda mulher' diz que foi espião de Israel

27 de Novembro de 2013 13:57

25 0

Produtor de 'Clube da luta' e 'Linda mulher' diz que foi espião de Israel

Arnon Milchan revelou a TV israelense passado como agente secreto. Veterano de Hollywood foi indicado a Oscar e também fez 'Sr. e Sra. Smith'.

O produtor de cinema Arnon Milchan, responsável por sucessos como "Clube da luta" e "Uma linda mulher", revelou em entrevista a um documentário de TV que já trabalhou como agente secreto de Israel. Ele falou ao programa "Uvda", do canal israelense Channel 2.

A relação do produtor veterano de Hollywood com o presidente israelense Shimon Peres nos anos 60 já havia sido abordada em uma biografia não autorizada em 2011. A jornalista Ilana Dayan, do programa "Uvda", conseguiu fazer com que o produtor admitisse o passado de espião e desse detalhes sobre o seu trabalho.

Arnon admitiu ter sido recrutado pelo governo israelense nos anos 60. Ele ajudava o governo de seu país natal em negociações clandestinas de armas e no monitoramento do projeto nuclear do país. "Sabe de uma coisa? Eu fiz pelo meu país, e fico orgulhoso disso", ele disse ao programa de TV. O órgão para o qual ele trabalhava no governo foi desfeito em 1987.

Entre os mais de 120 filmes produzidos por Arnon, estão também os sucessos "Sr. e Sra. Smith", com Brad Pitt e Angelina Jolie, e "Los Angeles - Cidade Proibida", de 1997, que rendeu ao israelense uma indicação ao Oscar na categoria de Melhor Filme - neste quesito, o diretor e os produtores são citados na premiação.

O produtor é muito próximo do ator Robert De Niro. "Eu ouvi sobre isso, mas não tinha certeza", diz De Niro ao programa "Uvda" sobre o passado como agente secreto. "Perguntei isso uma vez e ele disse que era um israelense e claro que faria isso pelo país dele".

Fonte: g1.globo.com

Para página da categoria

Loading...