Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Protestos contra refugiados iemenitas aumentam na Coreia do Sul

14 de Agosto de 2018 14:04
11 0
Protestos contra refugiados iemenitas aumentam na Coreia do Sul

A chegada de mais de 550 solicitantes de asilo do Iémen a Jeju, uma ilha da Coreia do Sul, tem gerado uma serie de protestos desde abril. Jeju tem uma população de cerca de 600 mil pessoas e uma recente investigação a 500 moradores da ilha revelou que 90% dos entrevistados sentiam-se inseguros desde a chegada dos iemenitas. O aumento das notícias falsas e da divulgação anti-Islão online tem impulsionado ainda mais revolta.

De acordo com a Il Lee, um advogado dos Direitos Humanos, o sentimento anti-refugiados não é novo na Coreia. "Quando se trata dos refugiados iemenitas, há um forte sentimento anti-Islão. A situação está a piorar porque muitos coreanos não têm experiência com refugiados”, referiu à Al Jazeera.

"Há um forte fenómeno na Coreia em que as pessoas culpam os estrangeiros por tudo o que dá errado", disse Lee.

"Se houver baixa taxa de emprego, dizem que os migrantes assumiram os nossos empregos.

Quando se trata da segurança das mulheres, dizem que as coisas vão piorar se aceitarmos mais refugiados”, acrescentou o advogado.

Fonte: rtp.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0