Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

E-Toupeira: inspeção à garagem da Luz demorou pouco mais de uma hora

21 de Novembro de 2018 16:32
36 0
E-Toupeira: inspeção à garagem da Luz demorou pouco mais de uma hora

Diligência tinha sido proposta pela SAD do Benfica

A inspeção às garagens da Luz, no âmbito da instrução do caso «e-toupeira» demorou pouco mais de uma hora, revelou à Lusa fonte ligada ao processo.

A diligência foi proposta pela SAD do Benfica para que a juíza Ana Peres conhecesse a movimentação no estacionamento, assim como é feito o acesso ao estádio em dias de jogo e quais as zonas mais reservadas.

O processo E-Toupeira está na fase de instrução, requerida pelos quatro arguidos, que incluem a Benfica SAD, tendo esta fase começado a 14 de novembro.

A instrução, fase facultativa que visa decidir por um juiz de instrução criminal se o processo segue para julgamento, tem decorrido à porta fechada, com início sempre às 14:00, exceto no debate instrutório, agendado para 26 de novembro, e na leitura da decisão instrutória, sessões que serão públicas.

Recorde-se que o processo «e-toupeira» investiga alegados benefícios concedidos pelo Benfica a dois funcionários judiciais, em troca de informações de processos que envolviam o Benfica e/ou rivais.

A acusação proferida pelo MP aponta 30 crimes à SAD do Benfica, um por crime de corrupção ativa, um por crime de oferta ou recebimento indevido de vantagem e 29 crimes de falsidade informática. Além disso o agora ex-assessor jurídico, Paulo Gonçalves, é acusado de 79 crimes. Já aos dois funcionários judiciais, José Augusto Silva e Júlio Loureiro, são apontados 76 crimes cada.

Fonte: maisfutebol.iol.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0